Já reparou como os dias estão passando com uma rapidez impressionante? 2017 mal começou e já estamos caminhando para sua metade. E a sensação que fica é de que os acontecimentos vão se acumulando, assim como o estresse e o cansaço. Nos sentimos cada vez mais sobrecarregados na vida moderna. E, para aliviar essa carga, hoje nós ensinaremos como meditar.

A meditação ajuda a disciplinar e acalmar a mente, trazendo conforto emocional e aumentando nossa capacidade de concentração. Ou seja: tudo aquilo que precisamos para conseguir enfrentar a correria do dia a dia da melhor forma possível.

como meditar

Compreender os benefícios da meditação é fácil. O difícil é saber por onde começar, né? Grande parte das pessoas tem preconceito com todos os elementos do pacote: cheiro de incenso, música instrumental, good vibes, natureza… mas não necessariamente a meditação precisa vir acompanhado de tudo isso.

Existem técnicas para todos os tipos de perfil: dá para meditar de olho aberto, vendo uma imagem bonita, entoando mantras ou simplesmente em silêncio, num lugar calmo.

A meditação pode ser definida como um exercício para a mente e os efeitos refletem diretamente na forma como lidamos com nossas atividades cognitivas diárias. O importante aqui não é o tempo que você passa meditando, já que bastam 15 minutos diários para já ser possível notar as diferenças. O que vale é a sua disciplina e a regularidade para fazer da meditação um hábito.

Se você sempre quis aprender como meditar e ser capaz de deixar sua mente respirar, o post de hoje é para você! Fizemos um passo a passo para iniciantes, sem erro, para que você possa aprender como meditar hoje mesmo!

Como meditar: veja 9 passos simples para começar hoje mesmo

Antes de meditar…

Antes de aprender como meditar, algumas coisas devem ser definidas, para que a prática tenha continuidade e não se perca no meio das outras atividades de nossa rotina. Quanto tempo você pretende dedicar para a prática da meditação? Qual objetivo você deseja alcançar por meio da meditação?

Pode parecer que, ultimamente, meditação está na moda. Mas o caminho é meio que inverso: estamos tão estressados que todas as medidas que tornam nossa rotina mais leve acabam se tornando extremamente populares, como é o caso da meditação, yoga, alimentação saudável, etc.

Nessa vibe, aprenda agora mesmo como fazer uma massagem relaxante e saiba como deixar uma mulher bem relaxada e apaixonada pelo poder da suas mãos. Confira nosso artigo aqui!

Cada um começa a meditar por motivos diferentes. Nós não podemos identificar qual o seu objetivo, mas você sabe: você deseja melhorar a criatividade? Quer ser capaz de visualizar suas metas com mais clareza? Quer conseguir domar a sua mente e calar pensamentos indesejados? Quer se sentir mais próximo a sua espiritualidade? Só você vai ser capaz de responder. Mas é importante que você encontre esse objetivo, para que seu processo faça sentido para você e, com o passar do tempo, você consiga medir o seu avanço.

como meditar

Porém, se se o seu único propósito for passar alguns minutos diários, sem se preocupar com mais nada, apenas sentindo e escutando o seu corpo, isso já é o suficiente para começar. Tente não complicar demais os motivos.

Na verdade, tratando-se de meditação, tente não complicar nada. Faça tudo do seu jeito, no seu tempo. É para ser uma terapia, algo prazeroso, não algo que te deixe desconfortável ou cause ansiedade.

1º passo: preparando o estado de meditação

No início, é importante encontrar um lugar sem distrações. Nós ainda não estamos acostumados à prática, logo, todo o resto ao nosso redor chama nossa atenção. Elimine do ambiente qualquer sensação, objeto ou dispositivo que possa distraí-lo. TV, rádio e, principalmente celular: deixe ele no silencioso, apenas para servir como cronômetro.

Você pode escolher uma almofada de meditação (chamada zafu) ou colchões/colchonetes. Como meditar é uma prática extremamente individual, escolha o que for mais confortável para você. Se o mais confortável for uma cadeira, por exemplo, com apoio para as costas, nada te impede. Músicas lentas, mantras e sons da natureza podem te ajudar a relaxar.

Qual momento do dia você vai meditar? Alguns preferem pela manhã, antes de começar o dia. Outros preferem de noite, para finalizar o dia. Escolha o momento do dia que você tenha tempo disponível e que você se sinta mais confortável para passar um tempo na sua própria companhia.

2º passo: postura e respiração

Para aprender como meditar, é importante saber que a postura e a respiração são elementos fundamentais. A postura ereta se concentrar na respiração e na inspiração e expiração conscientes. Se você optar por uma cadeira com encosto, tente não se inclinar para trás ou relaxar a postura. Fique o mais reto que conseguir.

Não é necessário se preocupar com as mãos, no princípio. Nas imagens, sempre vemos pessoas com as mãos sobre os joelhos enquanto meditam, mas, se você considerar desconfortável, você não precisa fazer isso. Você pode colocá-las onde for melhor para você, deixá-las soltas ao lado do corpo, colocar na cabeça, você decide! O importante é escolher uma posição que te permita esvaziar a mente e se concentrar na respiração.

como meditar

Incline a cabeça como se tivesse olhando para baixo, pois isso ajuda a abrir o peito e facilita a respiração. Ao aprender como meditar, você aprende também como respirar. Aqui, tente manter a boca fechada ao respirar. Você deve inspirar e expirar pelo nariz, não se esquecendo de relaxar os músculos do maxilar, mesmo com a boca fechada. Não pressione o maxilar ou ranja os dentes. Apenas relaxe.

Envolva o seu diafragma e encha os pulmões. Observe como a respiração se sente no nariz, garganta, peito e barriga à medida que flui para dentro e para fora.

3º passo: o ato de meditar

Agora que você está respirando lentamente, tenha um momento com você mesmo. Sentado, relaxado e nada mais. Sinta todas as transformações do seu corpo, todos os processos. Esteja 100% ciente de tudo que está acontecendo dentro de você e dos sons ao seu redor. Não reaja, nem tente mudar nada. Basta estar atento.

O objetivo aqui é estar presente em cada respiração, não descrevê-la. Como meditar não é sobre analisar demais o modo como está respirando. Apenas estar atento. Não se preocupe em se lembrar do que estava sentindo, nem em conseguir explicar a experiência em um momento posterior. Apenas vivencie o presente.

Mesmo depois de bastante tempo e experiência com meditação, você vai ver como os pensamentos podem ser ingratos e insistentes. Sem nem perceber, você começa a pensar no trabalho, nas contas ou nas coisas que precisa resolver depois.

como meditar

Sempre que perceber o mundo exterior se infiltrando, não entre em pânico e tente ignorá-lo. Em vez disso, volte sutilmente o foco para a sensação da respiração no corpo e deixe os pensamentos irem embora novamente, de forma lenta, e não desesperada.

4º passo: não se cobre demais

Aprender como meditar não é um processo fácil. Nossa atenção se perde facilmente, principalmente nos dias de hoje, em que estamos conectados a tantas informações na maior parte do tempo. Temos que lidar com o fato de que se concentrar é difícil para iniciantes.

Tente não se censurar ou desestimular. Afinal, no começo, todos têm dificuldade para lidar com os pensamentos ligados no 220. Além disso, não espere que a prática mude do dia para a noite. Tenha paciência. Não desista antes de alcançar resultados. Medite todos os dias por pelo menos alguns minutos, aumentando as sessões sempre que possível.

Esse foi o nosso passo a passo de como meditar sendo um iniciante no assunto. Curtiu? Não deixe de contar pra gente se tiver alguma dúvida, hein? 😉

como meditar

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of