Um estudo feito pelo IBGE, no ano de 2014, apontou que a taxa de divórcio aumentou cerca de 160% em apenas 10 anos. Ainda nesse ano foram mais de 341 mil divórcios realizados em todo o Brasil. São inúmeras as queixas femininas sobre os parceiros.

queixas femininas

Outra pesquisa feita na Inglaterra e patrocinada pela Economic and Social Research Council teve um total de 14.000 mulheres entrevistadas.

Esse estudo apontou que os casais mais felizes são os recém-casados, com no máximo 5 anos de matrimônio, sendo que aos 11 anos de relacionamento o nível de descontentamento já é maior que o de satisfação, com relação ao parceiro.

Por que será que isso vem acontecendo?

Todos os itens citados abaixo são muito importantes, embora o item 5 foi o que mais chamou a atenção e parece ser o mais grave dentre todos.

As principais queixas femininas

1 – A vaidade

Nessa pesquisa feita na Inglaterra uma das queixas femininas constante foi o desleixo dos homens após o casamento.

Começam a descuidar da aparência, engordam, descuidam das roupas, cabelo, saúde e higiene bucal, corporal, depilação (sim, muitas mulheres gostam que você pelo menos apare os pelos) unhas e tudo que tiver direito.

queixas femininas

Geralmente no início das paqueras, no namoro e até no início do casamento essas áreas são bem cuidadas. Mas com o tempo e a situação conjugal estabelecida, naturalmente quase todos os homens dão uma relaxada e, em muitos casos, acabam relaxando demais. Então fique atento a isso.

Se for o caso pergunte a sua esposa ou a sua companheira se isso faz sentido e peça para ela listar algumas coisas, mas faça isso disposto a ouvir o que não imaginava. Isso é importante para a evolução do casal e, até mesmo, para a auto estima masculina.

Ah, outra coisa é que quanto mais os homens se descuidam, de acordo com as pesquisas, mais elas perdem a libido e o desejo por seu parceiro. Faz sentido?

2 – Comunicação

Quantas vezes ela fala com você e você fala “ahn”? Falo por experiência própria, mas já é um fato que estou atento e te aconselho a ficar também. Nas pesquisas consultadas para esse material um outro fator que sempre está presente é a queixa da falta de comunicação.

queixas femininas

Elas falam e nós homens não prestamos atenção, ou não damos a devida importância.

Muitas dessas mulheres sentem que não são levadas a sério e, quando são, ela já pode estar em um nível de descontentamento muito grande e muitas vezes é tarde demais.

Meu conselho? Escute mais o que ela tem pra falar e dê a devida atenção. Parece óbvio, mas faz toda diferença especialmente para ela e para a vontade dela por você.

3 – O Romance

O romance sempre está presente também no início do relacionamento. É comum levar a namorada pra ver um cineminha, um jantar romântico, dar um presente, por mais simples que seja, ou ainda, surpreendê-la com um buquê de flores em um dia comum.

Depois de casar ou de ter um relacionamento por muito tempo isso reduz drasticamente.

queixas femininas

Pergunta rápida… Quantas vezes você fez um programa, ou um ato romântico antes de casar e quantos você fez depois de casar?

Provavelmente a sua resposta vai ratificar a opinião feminina.  Não deixe que a falta de romance acabe com seu relacionamento.

Isso é importante para elas, então invista mais tempo nisso. Coisas como cozinhar para ela, ou simplesmente, comprar um bombom e mostrar que você lembrou dela são atitudes pequenas e fáceis para você e que, no conjunto da obra, faz toda a diferença pra ela.

4 – As Finanças 

Muitas mulheres apontam que o desequilíbrio financeiro são motivos de discórdias e desentendimentos, podendo ser uma doença para no relacionamento.

queixas femininas

Casos como quando o marido está desempregado e a parceira sustenta a casa, ou ainda, quando o homem ganha menos que a mulher são os mais frequentes, assim como a dificuldade financeira por si só.

Acredito que essa seja uma das queixas femininas mais óbvias de todas e a mais aparente para a sociedade.

É comum vermos e ouvirmos as pessoas a nossa volta reclamar da situação financeira com certa frequência, diferente da próxima queixa que quase não é falada mas é uma das mais sérias.

Acredito que o mais importante é sentar e discutir a situação com sua parceira. Por mais que possa parecer difícil a situação, quando estamos a flor da pele e com a emoção falando mais alto que a razão tendemos a focar mais no problema do que na solução, e adivinha, você terá mais daquilo que estiver dando atenção.

Deixe o pânico e o receio de expressar sua opinião, senta e converse calmamente com sua parceira, inclusive, coloque todas as dificuldades e, juntos, pensem em uma solução possível. Foque na solução e ela vai aparecer, tenho certeza disso.

5 – O Sexo…

Um levantamento feito pelo ProSex (Projeto de Sexualidade), depois de entrevistarem mais de 8 mil pessoas, relevaram que aproximadamente 30% das mulheres brasileiras não conseguem chegar ao orgasmo, e essa nem é uma das principais queixas femininas.

Segundo a Dra. Carolina Ambrogini, coordenadora do Projeto Afrodite, um projeto da Universidade Federal de São Paulo, o fator das queixas femininas é a falta de desejo sexual, que afeta cerca de 35% das mulheres brasileiras.

queixas femininas

Em uma entrevista para o Dr. Drauzio Varella, a sexologa e psiquiatra Carmita Abdo cita que acredita que a queixa das mulheres de hoje é maior do que era no passado.

Até porque antigamente disfunções masculinas passavam despercebidas, e também, hoje elas acreditam que nós homens temos alternativas reais para combater os problemas sexuais, diferente de 20, 30 anos atrás.

Também é fato que hoje as mulheres exigem o prazer sexual, o que no passado não era uma verdade. Hoje pesa sobre os ombros masculinos a obrigação de satisfazer a parceira e isso é uma balança que incomoda dos dois lados.

O que elas pensam sobre

Para as mulheres, disfunções como a ejaculação precoce, que acaba afetando diretamente as chances dela chegar ao orgasmo e é uma das mais frequentes na população masculina, deixam elas sem graça, sem saber o que falar e como reagir diante da situação.

Já o homem, por sua vez, também não sabe o que fazer e, na maioria das vezes, acaba achando que é um problema temporário e não dá a devida atenção ao caso.

Evidenciando a ejaculação precoce como a disfunção mais difíceis de serem superadas pelos casais, fazendo com que a mulher fique com cada vez menos desejo sexual pelo parceiro desconfiando da capacidade dele de fazer ela chegar ao orgasmo.

Por outro lado, o homem também fica cada vez com mais receio de ir rápido demais, começa a evitar a relação sexual e, quanto maior a ansiedade e o medo de falhar, maiores as chances disso acontecer.

Além de todas as evidências aqui citadas, por tudo que já estudei sobre o assunto, posso afirmar que a ejaculação precoce é uma doença silenciosa, um câncer no relacionamento que se não for combatido pode levar a sérias consequências, como o desinteresse sexual, a falta de orgasmo de ambos, falta de comunicação e acúmulo de decepções de ambos os lados.

Isso é sim causa de muitos desses divórcios que, somados com todos os itens desse artigo, fazem a receita perfeita para o desastre e o colapso do relacionamento.

Se por algum motivo a ejaculação precoce for um problema no sua vida, recomendo que clique aqui e requisite acesso gratuito a esse treinamento em vídeo, acredito que será muito útil e poderá resolver o seu problema.

A boa notícia!

A boa notícia é que você já sabe quais são as queixas femininas, e nesse artigo citei e recomendei aquilo que acredito ser a solução do problema mais preocupante com relação ao sexo e outros fatores, ou pelo menos o início dela, para você resolver esses problemas.

Esse artigo é útil para todos os casais e é uma reflexão interessante. Acredito que vai abrir os olhos de muitas pessoas e, quem sabe, salvar muitos casamentos, muitos relacionamentos.

Quem sabe esse tipo de matéria não ajude a reduzir aquela taxa de divórcios em breve?!

Se você vive uma situação dessa, indico fortemente que clique aqui e descubra como eliminar de vez a ejaculação precoce e melhorar o seu desempenho sexual.

Espero que tenha gostado dessa matéria. Não deixe de curtir e compartilhar com seus amigos, acredito que seja de utilidade pública essas informações.

queixas femininas

19
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
6 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
15 Comment authors
Carlo RodriguesThiagowalmirLeo SouzaRusso Mp Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Adriano Andrade
Visitante
Adriano Andrade

Excelente artigo! Não teria explicação melhor!
Eu sofria muito com ejaculação precoce e sei muito bem como isso é terrivel! Porém eu venci esse problema ! Sabe como ? Clique em cima do meu nome e veja que voce tambem pode se livrar desse problema!

Manuel Queta
Visitante
Manuel Queta

Olha, pra dizer a verdade essas dicas vinham mesmo a calhar, até porque sempre é melhor obtermos novos conhecimentos sobre a gerência em uma relação, e alias muitas dessas dicas levarei a cabo para ver qual a diferença ou mudança que haverá… Abraços

lucas
Visitante
lucas

muito bom este artigo, serve de liçao e e um ensinamento pra muitos.
gostei de verdade

Davi Ribeiro
Visitante
Davi Ribeiro

teste

Fábio Renovado
Visitante
Fábio Renovado

Muito bom este artigo! Escreva mais desses artigos, Valew Davi!!!

Zaratustra
Visitante
Zaratustra

eu acho que o primeiro e mais importante é a grana, a falta de grana elas não perdoam

Luiz Santana Santana
Visitante
Luiz Santana Santana

texto bem coerente … e esclarecedor….

Russo Mp
Visitante
Russo Mp

Não casar, fazer filho, e ficar sempre solteiro e cuidando dos filhos…. mulheres são boas, já fui casado mas não vale a pena o estresse ou o humor mudando de hora em hora…. cedí muito… me esforcei… mas não adiantou me separei… hj sou solteiro e não pretendo casar tão cedo… tenho meu filhos… sei que é ruim para eles… mas consegui aproveitar meu tempo ao máximo… muito mais produtividade…… Read more »

Russo Mp
Visitante
Russo Mp

Não casar, fazer filho, e ficar sempre solteiro e cuidando dos filhos…. mulheres são boas, já fui casado mas não vale a pena o estresse ou o humor mudando de hora em hora…. cedí muito… me esforcei… mas não adiantou me separei… hj sou solteiro e não pretendo casar tão cedo… tenho meu filhos… sei que é ruim para eles… mas consegui aproveitar meu tempo ao máximo… muito mais produtividade…… Read more »

Leo Souza
Visitante
Leo Souza

Não sei porque as pessoas ainda insistem nessa instituição falida chamada casamento, em pleno século XXI. Ainda mais sabendo que a maioria casa pelos motivos errados. De todos os casais que conheço, tiro aí uns 5% que realmente se casou por amor, e que é feliz. O resto, casou apenas por conveniência. Ou pra ter sexo, ou um parceiro pra dividir as contas em casa, ou pra sair da casa… Read more »

walmir
Visitante
walmir

La vem remedio que remedia o irremediavel kkkk

Thiago
Visitante
Thiago

Bom. Li todos os comentários e concordo com vários deles mais em partes. Me casei com 22 anos já tenho 4 de casado, minha esposa tinha 19. Casamos por circunstâncias familiares complicadas. (não, ela não engravidou não queremos ter filhos agora). Falando só por mim casamento prende sim mas, o diálogo é quem vai definir os limites de ambos no que diz respeito a liberdade, privacidade pessoal dentre outras coisas… Read more »

trackback

[…] das maiores queixas femininas sobre os relacionamentos com os seus parceiros é a falta de romantismo. Muitos homens se resumem a […]